Montevideu

A envolvente Ciudad Vieja
O animado Mercado del Puerto
A imponente Torre Ejecutiva

Procurar cruzeiros na América do Sul

Montevideu

Uma cidade em voga

Ao navegar num cruzeiro MSC na América do SulMontevideu é o porto ideal para si. Fundada em 1726 para servir de fortaleza contra a invasão portuguesa na margem norte do rio da Prata, a cidade gozava de uma excelente situação comercial e, na sequência de um episódio inicial turbulento e frequentemente violento, registou um crescimento rápido.
Numa excursão do seu cruzeiro MSC na América do Sul poderá descobrir Montevideu. À primeira vista, pode parecer humilde, mas trata-se de uma cidade confiante e verdadeiramente interessante. Se já assistiu a uma versão ficcionada de Havana na TV ou no cinema, é bem possível que tenha sido de facto filmada na Ciudad Vieja de Montevideu, dado que as suas ruas se assemelham muito às da capital cubana.

Dispersos entre casas em ruínas e calçadas encontrará museus e galerias curiosamente extravagantes (sendo, na sua marioa, gratuitos), ao passo que o maior destaque vai para o glorioso Mercado del Puerto. Um bom ponto de partida de uma visita a pé na Ciudad Vieja é a Puerta de la Ciudadela, que data de 1746, marcando o sítio original da Cidadela de Montevideu na Plaza Independencia.

A praça homenageia a ascensão do Uruguai a nação soberana e, no centro, ergue-se honradamente uma estátua de 17 m de altura e mausoléu de José Artigas, o homem que desencadeou a campanha de independência do Uruguai face a Espanha e Portugal.

Na área circundante da praça encontrará estilos arquitectónicos eclécticos de diversos períodos, desde a Torre Ejecutiva, a sede da presidência do país, à torre de cúpula bulbosa do Palacio Salvo, construída onde alegadamente terá decorrido a primeira apresentação de tango. Aninhado atrás da esquina sudoeste da praça fica o célebre Teatro Solís, o mais ilustre do país, concluído em 1856 e remodelado algumas vezes desde então.

Lugares imperdíveis em Motevidéu

Conheça as nossas excursões

    Uruguai

    Surf e vida nocturna
    Surf e vida nocturna

    Não é de admirar que o Uruguai seja frequentemente apelidado de Suíça da América do Sul. Tanto nos bons quanto nos maus momentos, os uruguaios preservam a sua atitude tradicionalmente descontraída e bem-disposta, o que se constata facilmente num cruzeiro ao Uruguai.

    Desde as praias de surf isoladas da costa atlântica, até aos prados ondulados do interior, cultivados pelos gaúchos, ou às ruas pitorescas da Colonia del Sacramento e àvida nocturna animada de Montevideu, este país é uma pérola aninhada entre os gigantes da América do Sul: o Brasil e a Argentina.

    “Tranquilo” poderia ser o lema do Uruguai e, depois de testemunhar a beleza da terra e a amabilidade descontraída do seu povo, provavelmente não terá pressa em sair de lá. Ao circular pelas ruas do Uruguai, é muito pouco provável que não encontre alguém carregando as cuias ou vasilhas e um canudo de metal (bombilla), necessários para tomar o mate.

    Segundo uma tradição que remonta aos primeiros gaúchos, diz-se que os uruguaios bebem uma quantidade muito superior deste chá de ervas do que os argentinos, existindo todo um conjunto envolvente de rituais sociais. À medida que a hora da refeição se aproxima, o mate é meticulosamente preparado antes de ser passado de mãos em mãos num círculo de pessoas.