Ajaccio

Um aglomerado de ruas antigas
Memorabilia de Napoleão Bonaparte
Uma cidadela do século XV

Procurar cruzeiros no Mediterrâneo

Ajaccio/Córsega

Clima temperado, tranquilidade e bares requintados

E que tal uma bela excursão à Córsega no seu cruzeiro no Mediterrâneo com a MSC Cruzeiros?


Ajaccio é um lugar tranquilo e verdadeiramente encantador para visitar na Córsega, com um clima extraordinariamente temperado e uma profusão de cafés, restaurantes e estabelecimentos comerciais sofisticados. A principal atracção é o núcleo da cidade velha de Ajaccio, um aglomerado de ruas antigas que se estendem para norte e para sul da Place Foch voltada para o mar para o porto e a marina.

Nas proximidades, em direcção a oeste, a Place de Gaulle forma o centro moderno partindo daí a avenida principal, cours Napoleón, que segue paralelamente ao mar, ao longo de quase 2 km para nordeste. A oeste da Place de Gaulle estende-se a parte moderna da cidade de frente para a praia, dominada a ocidente pela cidadela. Tendo sido outrora o local da porta medieval da cidade, a Place Foch está situada no centro histórico de Ajaccio.

Esta praça de sombras agradáveis que desce até ao mar recebeu a designação local de "place des Palmiers", graças à fila de palmeiras que orlam a faixa central. Na extremidade superior, ergue-se a imponente fonte com os seus quatro leões de mármore que amparam a inevitável estátua de Napoleão. A parte sul da Place Foch, situada na antiga linha que separava o bairro pobre, à volta do porto, da zona burguesa, dá acesso à rue Bonaparte, a estrada principal que leva ao bairro anteriormente mencionado. 


Construídas sobre o promontório que conduz à cidadela, as ruas isoladas desta parte da cidade, com os seus edifícios poeirentos e restaurantes modestos iluminados pelas luzes intermitentes vindas do mar ou pelo céu ao fundo das vielas, transmitem mais o ambiente da antiga Ajaccio do que qualquer outro lugar.

Lugares imperdíveis em Ajaccio

Conheça as nossas excursões

    França

    Uma sofisticação discreta e levemente snob
    Uma sofisticação discreta e levemente snob

    Uma viagem ao sul de França levá-lo-á ao paraíso. Este Jardim do Éden abrange a parte mais baixa dos Alpes cobertos de neve e os seus contrafortes que, a leste, descem em direcção ao mar e, a oeste, se estendem quase ao Ródano.


    A zona interior litoral é composta por uma cadeia sucessiva de colinas íngremes e arborizadas, ao passo que a costa é um conjunto de baías geométricas em constante mudança entrecortadas por afloramentos rochosos cintilantes e caóticos e enseadas estreitas e profundas, como fiordes em miniatura: os calanques. No entanto, estes elementos não seriam nada, se não fosse a luz mágica do Mediterrâneo. Atingindo o seu expoente na Primavera e no Outono, é simultaneamente suave e extraordinariamente dramática, como se cada paisagem tivesse sido aprimorada por um especialista a fim de maximizar a cor e a definição, reduzindo o brilho ao mínimo. Um cruzeiro ao sul de França é uma excelente oportunidade para visitar a capital da Riviera, Nice, uma combinação viva e enigmática de influências italianizadas, do esplendor da Belle Époque desvanecida e de arte de primeira categoria.

    A leste da cidade, a baixa Corniche liga as pitorescas cidades à beira-mar de Villefranche-sur-Mer, Saint-Jean-Cap-Ferrat e Beaulieu-sur-Mer. As estradas mais altas oferecem algumas das paisagens costeiras de condução mais espectaculares da Europa, rumo à aldeia empoleirada de Èze e ao pequeno Principado do Mónaco. A parte ocidental da Riviera reivindica possuir as melhores praias, tanto na jazzística Juan-les-Pins quanto em Cannes, um centro cintilante de cinema e boutiques de designers famosos.