Livorno

A Antiga e a Nova Fortaleza
A Torre Marzocco
Florença e Pisa: belezas singulares

Procurar cruzeiros no Mediterrâneo

Livorno/Florença

A Antiga Liburna

Ao chegar ao porto de Livorno durante um cruzeiro MSC no Mediterrâneo, descobrirá uma cidade animada com um passado glorioso. Acredita-se que o seu nome deriva de liburna, um antigo navio romano.

Ostentando alguns monumentos históricos, como a Antiga Fortaleza, a Nova Fortaleza e a Torre Marzocco, que sobreviveu a demolições fascistas e bombardeamentos das forças Aliadas, a cidade é um bom ponto de partida para uma viagem de descoberta da cultura gastronómica e vinícola da Toscana: frutos, legumes, especialidades tradicionais à base de produtos do mar e da terra e, obviamente, vinhos como o Chianti e o Brunello di Montalcino, um vinho de grande importância regional. Uma das excursões propostas pela MSC Cruzeiros levá-lo-á até Florença, o berço do Renascimento. Pelas suas ruas vaguearam grandes artistas e escritores, como Dante, Brunelleschi e Donatello, entre outros. Deixe-se encantar pela beleza dos seus edifícios históricos, como a Cattedrale di Santa Maria del Fiore (a Catedral de Santa Maria da Flor ou Duomo), um exemplo distinto da arte gótica com o seu exterior em mármore rosa, branco e verde e o seu interior decorado com frescos de Giorgio Vasari. Por sua vez, a Galleria degli Uffizi é um dos museus mais importantes do mundo, com obras de arte de Botticelli, Michelangelo, Rafael e Tiziano, para citar alguns. É impossível não se deixar encantar pela magia da Ponte Vecchio (a Ponte Velha), pela majestosa Piazza dela Signoria e pelo requinte da Basilica di Santa Croce (Basílica de Santa Cruz). Outra excursão é dedicada a Pisa, a cidade natal de Galileu Galilei. A cidade é famosa pela sua Torre, um campanário pendente em pedra branca em frente à Piazza dei Miracoli, onde também se encontra a Catedral e o Baptistério.

As primeiras fases de construção foram projectadas pelos arquitectos Buscheto e Rainaldo e finalizadas no final do século XII, ao passo que a fase posterior teve início na segunda metade do século XII. As suas linhas arquitectónicas são semelhantes às da Igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.

Lugares imperdíveis em Livorno

Conheça as nossas excursões

    CHEGAR AO PORTO

    Porto de Livorno

    Esta área contém informações de como chegar ao porto.

    Terminal do porto

    Stazione Marittima Terminal Crociere

    Chegar ao porto por

    • Carro

      De S.G.C Firenze-Pisa-Livorno
      Saída "Livorno Centro/Porto Mediceo/Stazione Marittima".  Mantenha-se à esquerda e siga as placas para "Livorno Centro/Porto". Na Via Leonardo da Vinci, mantenha-se à esquerda e continue na Via Enrico Mattei. Na rotunda, opte pela primeira saída e continue na Via Enrico Mattei até seguir pela Via Guido Donegani. Vire na Varco Donegani e siga as placas para o terminal de cruzeiros. 
       
      De Génova (A12)
      Deixe a A12 na saída sinalizada com a placa "Livorno" e continue na Variante Aurelia. Saia para "Firenze-Porto". Na bifurcação mantenha-se à esquerda e saia para "SGC Firenze-Pisa-Livorno" seguindo as placas que indicam "Porto". Saia para "Livorno Porto" em direção a "Livorno Centro/Porto Mediceo/Stazione Marittima". Mantenha-se à esquerda e siga as placas para "Livorno Centro/Porto". Viajando na Via Leonardo da Vinci, mantenha-se à esquerda e continue na Via Enrico Mattei. Na rotunda, opte pela primeira saída e continue na Via Enrico Mattei até seguir pela Via Guido Donegani. Vire na Varco Donegani e siga as placas para o terminal de cruzeiros.
       
      Do sul (Roma, Grosseto)
      Na estrada "Rosignano Genova", saia para "Livorno Nord" e siga as placas para "Porto (SGC Firenze Porto)" e, mais tarde, "SGC Firenze – Pisa – Livorno". Saia para "Livorno Porto" em direcção a "Livorno Centro/Porto Mediceo/Stazione Marittima". Mantenha-se à esquerda e siga as placas para "Livorno Centro/Porto". Viajando na Via Leonardo da Vinci, mantenha-se à esquerda e continue na Via Enrico Mattei. Na rotunda, opte pela primeira saída e continue na Via Enrico Mattei até seguir pela Via Guido Donegani. Vire na Varco Donegani e siga as placas para o terminal de cruzeiros. 
       
      Na SS1 Aurelia para Castel Boccale
      Mantenha-se à direita para entrar na Variante Aurelia "Nord (Pisa)". Depois de aproximadamente 10km, saia para "SGC Firenze – Pisa – Livorno" e siga as direcções para "Port". Saia na indicação "Livorno Porto" em direcção a "Livorno Centro/Porto Mediceo/Stazione Marittima". Mantenha-se à esquerda e siga as placas para "Livorno Centro/Porto". Viajando na Via Leonardo da Vinci, mantenha-se à esquerda e continue na Via Enrico Mattei. Na rotunda, opte pela primeira saída e continue na Via Enrico Mattei até seguir pela Via Guido Donegani. Vire na Varco Donegani e siga as placas para o terminal de cruzeiros.
      Carro

      Informações do estacionamento

      Livorno 2000


      Parcheggio Terminal Crociere (ex-STP)


      Piazzale dei Marmi, 12 – 57123 Livorno


      Tel. +39 0586 20 29 01
       



      VEÍCULO DIAS TARIFAS
      Carro 8 € 80
      Suv 8 € 80
      Minivan 8 € 90

    Itália

    História, gastronomia e moda
    História, gastronomia e moda

    Um cruzeiro até Itália é uma montanha russa emocional. Roma é uma cidade formidável e muito diferente de todas as outras e, em termos de atracções históricas, de certa forma, supera qualquer outro lugar no país.
     
    A Ligúria, a pequena província litoral ao longo da costa noroeste, é conhecida há muito tempo como “A Riviera Italiana ”, pelo que costuma ser invadida por amantes do sol a maior parte do Verão.
    A principal atracção do Vêneto é, evidentemente, Veneza: uma cidade única, sendo que cada fragmento desta cidade é tão encantador quanto a sua reputação possa sugerir. A Toscana, no centro de Itália, representa talvez a imagem mais conotada do país, com as suas paisagens rurais ondulantes e as cidades de Florença e Pisa, repletas de arte.

    O Sul, por sua vez, começa na região de Campânia. A sua capital, Nápoles, é uma cidade única e inesquecível, o coração espiritual do Sul de Itália. A Apúlia, o “salto da bota” de Itália, também apresenta prazeres subestimados, nomeadamente a paisagem da sua península de Gargano e a veia comercial, com os grandes mercados da sua capital, Bari.

    No que diz respeito à Sicília, a ilha é realmente um lugar à parte, com um leque variadado de atracções que se estendem desde alguns dos tesouros helenísticos mais bem conservados da Europa até algumas das estâncias balneares mais cativantes do Mediterrâneo, em Taormina e Cefalù, sem contar com os lindos cenários dos planaltos.