Dublim

O Trinity College e o Livro de Kells
As lojas de Grafton Street
A requintada Parnell Square

Procurar cruzeiros no Norte da Europa

Dublim

Verde, animada e em voga

Situada nas margens do rio Liffey, Dublim é uma cidade esplêndida e monumental, com um ambiente cosmopolita e uma vida nocturna internacionalmente reconhecida.
Uma excursão no seu cruzeiro MSC no Norte da Europa oferece-lhe a oportunidade de conhecer a sofisticação de Dublim e a sua arquitectura essencialmente georgiana, oriunda dos tempos em que a aristocracia anglo-irlandesa investiu os seus rendimentos em novas mansões.

Na sofisticada zona sul de Dublim encontram-se os bares, as lojas e os restaurantes da moda, sobretudo nas vielas calçadas de Temple Bar que descem em direcção ao rio Liffey e à maioria dos monumentos históricos, concentrados em Trinity College, Grafton Street e St. Stephen’s Green. Mas a zona norte, com os seus bairros antigos da classe operária e comunidades do centro da cidade, representa a verdadeira alma da cidade.

Do outro lado das pontes de Temple Bar está a zona comercial, nas proximidades de O’Connell Street, onde poderá sentir o aroma da velha Dublim. Aqui, também encontrará uma larga série de ruas residenciais e praças encantadoras, com particular destaque para os museus e centros culturais existentes à volta da sofisticada Parnell Square.

Era ali que os Vikings se reuniam em assembleia, existindo também aí um cemitério, junto à actual College Green, uma praça de três lados na qual se destaca Trinity College. Fundado em 1592, o Trinity College desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento de uma tradição protestante anglo-irlandesa. Até 1966, os católicos necessitavam de uma autorização especial para poder estudar ali, embora presentemente constituam a maioria dos estudantes.

Os imponentes edifícios em tijolo cinzento e vermelho pálido estão dispostos à volta de pátios quadrangulares calcetados, numa versão maior à dos pátios existentes em Oxford e Cambridge. A biblioteca conhecida por Old Library possui vários manuscritos irlandeses, sendo que o lugar de honra pertence ao Livro de Kells ilustrado do século IX, que inclui os quatro Evangelhos escritos em latim em velino, a escrita adornada com padrões e animais fantásticos, entrelaçados com as letras maiúsculas do texto.

Lugares imperdíveis em Dublin

Conheça as nossas excursões

    Irlanda

    Onde a terra é mais verde
    Onde a terra é mais verde

    Um cruzeiro até à Irlanda superará todas as suas expectativas românticas. Uma riqueza geológica singular e o efeito de aquecimento do Atlântico dão origem a uma diversidade surpreendente de terra nesta pequena ilha, salpicada por toda a parte de lagos e pântanos virgens.

    A leste, o granito acidentado das montanhas Wicklow marca um contraste absoluto com a planície de pastagem de cavalos de Curragh, a escassos quilómetros de distância, e em Connemara, na costa ocidental, pode passar da praia à montanha e da última ao pântano, ou de uma enseada coberta de algas a um lago coberto de lírios, numa questão de horas. 


    Dublim
    é o principal ponto de entrada da República. Trata-se de uma capital segura cuja energia natural e moderna é reforçada pelas suas ricas tradições culturais e que possui monumentos medievais extraordinários e exposições interessantes e variadas, tanto na National Gallery quanto no National Museum.

    A sul da cidade, as desertas montanhas Wicklow oferecem um contraste impressionante com a vida citadina. Na costa meridional da Irlanda, a costa de Cork é marcada por estuários isolados, promontórios acidentados e portos históricos, ao passo que a própria cidade de Cork é o núcleo da região, dona de um panorama cultural animado.
    Os monumentos dos primórdios da era cristã também são abundantes, incluindo o Castelo de Cashel e os sítios envolventes de Clonmacnoise, Glendalough e Monasterboice.