Ísafjördur

A casa islandesa mais antiga
Um património arquitectónico extraordinário
Naustahvilft, o “trono do troll”

Procurar cruzeiros no Norte da Europa

Isafjordur

Onde história e lenda se unem

Quando o seu cruzeiro MSC no Norte da Europa o levar até ao ponto noroeste da Islândia, ancorará em Isafjordur, uma pequena cidade de origens antigas.
Em Isafjordur, terá oportunidade de conhecer a mais antiga casa islandesa ainda de pé, construída em 1743. Nos arredores de Bolungarvík, o ponto mais setentrional nos fiordes ocidentais, pode visitar Ósvör que, em tempos, foi uma aldeia piscatória e actualmente é um museu ao ar livre.

O passado também volta a manifestar-se na antiga cidade de Neskaupstadur, onde, em primeiro lugar, os comerciantes islandeses e os noruegueses e, posteriormente, os britânicos e os alemães viriam a encontrar-se na baía de Isafiord, em meados do século XV. Aqui, na segunda metade do século XVIII, Krambúd (a loja) foi construída e convertida numa casa particular no século XX, à semelhança de Faktorshus (a casa dos agricultores), Tjoruhus (a casa do alcatrão) e Turnhus (a casa da torre), usadas como armazéns e centros de transformação de pescado.

Se, durante o seu cruzeiro MSC ao Norte da Europa, tiver curiosidade em saber como os islandeses viviam antigamente, não perca uma excursão a Vigur, literalmente a “ilha em forma de lança”. As suas águas abrigam muitos leões-marinhos que se alimentam de aves marinhas como o papagaio-do-mar, o arau-d'asa-branca, a agressiva andorinha-do-mar-árctica (capaz de atacar pessoas quando se sente ameaçada) e o êider-edredão.

Outra maravilha da natureza é Naustahvilft, o “trono do ogre”, uma enorme depressão em meia-lua nas montanhas planas que rodeiam o fiorde de Isafjordur. Reza a lenda que foi criada quando a luz do sol atingiu um ogre sentado na montanha com os pés na água.

Independentemente de acreditar na lenda ou na explicação mais provável de que o vale terá sido cavado pelo gelo na última idade do gelo, não perca esta breve, mas intensa, excursão, que vale certamente a pena.

Lugares imperdíveis em Isafjordur

Conheça as nossas excursões

    Islândia

    Fontes de lava em pleno gelo
    Fontes de lava em pleno gelo

    Uma viagem até à Islândia é como descobrir outro mundo. Mesmo que já tenha imaginado como seria, a ilha surpreendê-lo-á.


    A maioria das pessoas não sabe que Reiquiavique, a capital da Islândia, tem uma vida artística e social intensa. Também desconhece que a natureza islandesa é muito exuberante, dado que as temperaturas no Verão são incrivelmente amenas, e que o Inverno, quando o céu é colorido pela aurora boreal, não é tão frio quanto se possa pensar.

    A Islândia encantá-lo-á com as suas piscinas de lama borbulhante, os incríveis géiseres, os glaciares, as cascatas e muito mais. Dedique-se à observação de aves no lago Mývatn ou faça uma excursão para admirar as baleias. O mar islandês é um dos melhores lugares no mundo para observar estes enormes cetáceos.
    Se aprecia gelo, visite o Jökulsárlón, o maior lago glacial do país a qual se forma onde o glaciar Breiðamerkurjökull desagua no Atlântico. 


    E caso pretenda descontrair, saiba que existem mais de 170 piscinas geotérmicas no país, como a esplêndida e terapêutica lagoa Azul, a cerca de 40 km de Reiquiavique. Trata-se de uma enorme piscina alimentada por uma fonte que jorra água a uma temperatura que varia entre os 37 e os 39 ºC, rica em minerais e com propriedades terapêuticas.